Pular para o conteúdo

Amanda Costa

Quais são os documentos necessários para declarar Imposto de Renda?

Ex.Saúde, Presidente, Governo

Um dos momentos mais complexos na hora da declaração do Imposto de Renda está na obtenção dos documentos necessários.
Apesar de trabalhosa, essa é uma parte importante do processo, de acordo com o professor Deypson Carvalho, do Centro Universitário do Distrito Federal (UDF): “A documentação é a base que sustenta o preenchimento de uma nova declaração e que ajuda a dar respaldo na hora de conferir os dados de uma declaração iniciada pela pré-preenchida”.
Confira todos os conteúdos da série Tira-Dúvidas do IR 2023
Carvalho listou qual é a documentação básica para que seja feita a declaração. São eles:
1. Última declaração do Imposto de Renda e o recibo de entrega; 
2. Documentos pessoais do declarante titular, como título de eleitor, CPF e comprovante de endereço; 
3. CPF de cada dependente ou alimentando; 
4. Informe de Rendimentos fornecido por cada fonte pagadora; 
5. Informe de Saldos e Rendimentos fornecido por cada instituição bancária onde o contribuinte possua conta corrente, aplicações financeiras e operações de empréstimo ou financiamento.

O professor aponta que, há, ainda, documentos que são necessários em algumas situações específicas:
1. Informe fornecido por cada entidade sobre criptoativos; 
2. Comprovante de rendimentos do trabalho não assalariado, aluguéis, pensões alimentícias e outros rendimentos semelhantes; 
3. Notas de corretagens emitidas por corretora de investimentos em ações; 
4. Comprovante de apuração mensal do Carnê Leão e Documento de Arrecadação pagos; 
5. Documento de compra e ou venda de veículos, motocicletas, imóveis ou embarcações que tenha ocorrido durante o ano-calendário da declaração; 
6. Comprovantes das despesas pagas com a identificação do titular ou o dependente atrelado à creche, escola, faculdade, médico, clínica médica, hospital, exame laboratorial e radiológico, aquisição de aparelho e prótese ortopédica, pagamento de plano de saúde no Brasil, previdência complementar e pensão alimentícia judicial; 
7. Comprovantes de pagamentos efetuados a título de aluguéis, arrendamento rural e aos profissionais autônomos tais como: advogados, engenheiros, arquitetos, corretores, professores e outros.

Como a lista não é pequena, é recomendável que a pessoa não deixe tudo para última hora e nem deixe para começar a preencher sua declaração do Imposto de Renda perto do prazo final de entrega. 
Vale lembrar que os contribuintes poderão conseguir todos os informes de rendimentos com as fontes pagadoras. Já os comprovantes de movimentação financeira estão disponíveis por meio das instituições bancárias.
O prazo para declaração do Imposto de Renda de 2023 vai até o dia 31 de maio. Até lá, todos os dias, a Radioagência Nacional tira uma dúvida por dia em um novo episódio da série, de veiculação gratuita por qualquer emissora do país.

*Essa é uma parceria da Radioagência com o Centro Universitário do Distrito Federal (UDF).
Edição: Sumaia Villela

Os servidores da Fundação Casa de São Paulo, os centros onde ficam internados os jovens que cumprem medidas socio-educativas, entraram nesta quinta-feira (4) no segundo dia de greve.

Em meio à queda de braço entre os partidos na Câmara para definir a composição da CPI do MST, os ministros da Agricultura Carlos Fávaro, e do Desenvolvimento Agrário, Paulo Teixeira, falaram sobre o assunto no Senado nesta quinta-feira (4).

Ele substitui o general da reserva Gonçalves Dias, filmado no Palácio do Planalto em meio a golpistas que atacaram as sedes dos Três Poderes no dia 8 de janeiro. Por três semanas o cargo foi ocupado de forma interina por Ricardo Capelli.

Adauto Mesquita foi ouvido nesta quinta-feira (4) na CPI dos Atos Antidemocráticos da Câmara Legislativa do DF. De acordo com a investigação, o empresário teria financiado barracas e alimentação de acampados e ajudado com o aluguel de um trio-elétrico.

Armamento que não foi cadastrado na PF se torna ilegal e pode ser apreendido. Seus proprietários passam a responder por porte ou posse ilegal de arma.

Ailton Barros, preso nesta quarta-feira (3), teve uma conversa com o ex-ajudante de ordens de Jair Bolsonaro, Mauro Cid, interceptada pela PF em outro caso – o que investiga a falsificação dos comprovantes de vacina contra covid-19 do ex-presidente e outras pessoas.
Conheça nossos aplicativos nas lojas online da iTunes e Google

source

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
SOBRE MIM
Amanda Costa
Natural do Ceará com 40+ apaixonada pelo Rio de Janeiro e carioca de coração. Defensora de causas sociais e políticas de grande relevância para o nosso Brasil.
#vamosquerer um futuro melhor.
siga amanda costa nas redes sociais
LUTA PELA DEMOCRACIA EM SP