Pular para o conteúdo

Amanda Costa

Transgressora e acumuladora de hits: conheça a trajetória de Rita Lee

Ex.Saúde, Presidente, Governo

A trajetória de Rita Lee no rock’n roll começou bem cedo, ainda criança, quando ficou fascinada ao conhecer Elvis Presley pela televisão, no final dos anos 1950. Mas o gosto pela música veio ainda antes, por influência da mãe pianista.
Ouça mais: Rita Lee morre aos 75 anos
Na adolescência, Rita formou a primeira banda com outras garotas – a Teenager Singers, que acabou se unindo aos Wooden Face, grupo dos irmãos Arnaldo Batista, nos teclados, e Sergio Baptista, na guitarra. Estava formado o embrião dos Mutantes, conjunto brasileiro que exerceu grande influência internacional.
A partir daí, a carreira musical da cantora só decolou. Os Mutantes participaram de festivais e do tropicalismo, ao lado de Caetano Veloso e Gilberto Gil. Eles tiveram papel decisivo para abrasileirar o rock e trazer guitarras e rebeldia juvenil para o ambiente da MPB. Com liberdade criativa, a banda fez músicas experimentais com toques psicodélicos, como a voz sussurrada de Rita em Ando Meio Desligado.
Mas começaram os desentendimentos na banda e, em 1972, a cantora foi expulsa dos Mutantes. Sem se abalar, ela começou em seguida uma carreira solo.
Na metade da década, com a banda de apoio Tutti-Frutti, Rita Lee emplacou um grande sucesso já no primeiro disco: Mamãe Natureza.
O segundo álbum, Fruto Proibido, traz Agora Só Falta Você, outro hit famoso que garantiu o estrelato a Rita Lee. E tinha mais um clássico no álbum, provando o talento dela: Ovelha Negra.
Roberto de Carvalho, que tocava no Tutti-Frutti, e Rita Lee se apaixonaram e se casaram. A união rendeu três filhos e um mergulho de cabeça no pop, com dezenas de sucessos, como Mania de Você, a mais executada da cantora.
E eles foram empilhando sucessos: Saúde, Nem Luxo Nem Lixo, Caso Sério, Desculpe o Auê, Chega Mais e outros tantos.
Inquieta e criativa, Rita Lee ainda escreveu duas autobiografias, livros infantis, criou programas de rádio e atuou em novelas e filmes. Setentona, desistiu dos shows, mas jamais da música, e seguiu compondo.
Em setembro de 2021, a cantora e compositora inaugurou uma exposição com seu acervo pessoal de figurinos, objetos, instrumentos e imagens no Museu da Imagem e do Som, em São Paulo.
 
*Com a colaboração de César Faccioli e sonoplastia de Jailton Sodré
Edição: Bianca Paiva/ Sumaia Villela

Os jogadores de futebol foram afastados dos clubes por terem envolvimento ou serem citados nas investigações da operação Penalidade Máxima, conduzida pelo Ministério Público de Goiás.

O jogo será nesta quinta (11), às 19h30, no Estádio Nilton Santos. O Glorioso soma 12 pontos com quatro vitórias em quatro jogos, mas foi ultrapassado na rodada pelo Palmeiras que está na ponta da tabela com 13 pontos.  

A Polícia Civil pediu mandados de prisão para dois dos três agressores de Osil Vicente Guedes, de 49 anos, que morreu no último domingo (7), três dias depois do espancamento em uma rua do Guarujá, no litoral de São Paulo.

A feira começou na manhã desta quinta-feira (11) e vai até a noite de domingo (14). Os visitantes têm mais de 500 toneladas de alimentos para escolher, entre frutas, legumes, verduras e produtos beneficiados.

A Fiocruz inaugurou nesta quinta-feira (11) um espaço para pesquisa, tratamento e reabilitação de pessoas com sequelas de covid-19, que está funcionando na sede da instituição em Manguinhos.

O governo federal estuda taxar em 30% de Imposto de Renda os prêmios recebidos em apostas esportivas. As empresas serão taxadas em 16% sobre a receita obtida com todos os jogos feitos, subtraídos os prêmios pagos aos jogadores. 
Conheça nossos aplicativos nas lojas online da iTunes e Google

source

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
SOBRE MIM
Amanda Costa
Natural do Ceará com 40+ apaixonada pelo Rio de Janeiro e carioca de coração. Defensora de causas sociais e políticas de grande relevância para o nosso Brasil.
#vamosquerer um futuro melhor.
siga amanda costa nas redes sociais
LUTA PELA DEMOCRACIA EM SP